RDC: conheça um investimento seguro, com rentabilidade diária

RDC: conheça um investimento seguro, com rentabilidade diária

Muitas pessoas entendem a importância de realizar investimentos para expandir suas operações, mas nem todas conhecem as opções disponíveis. Aplicações financeiras vão muito além da poupança, como é o caso do Recibo de Depósito Cooperativo (RDC).

Essa modalidade é oferecida pelas cooperativas de crédito e garante rentabilidade, liquidez e o desenvolvimento socioeconômico das regiões nas quais os cooperados estão. Neste post, falaremos mais sobre o RDC, seus benefícios e os diferenciais da Cocred. Boa leitura!

O que é RDC?

É um investimento financeiro de renda fixa que une o melhor de dois mundos: apresenta baixo risco e ótima liquidez.

Com as altas da taxa Selic em 2022, essa modalidade se tornou bastante atrativa para diversos perfis de investidores. Uma particularidade do RDC é que sua aplicação em renda fixa é emitida pelas cooperativas de crédito. O seu funcionamento é similar ao CDB dos bancos tradicionais, mas há algumas diferenças significativas.

Afinal de contas, no RDC os investidores emprestam dinheiro às cooperativas de crédito para que elas invistam em suas atividades ou repassem esse montante a terceiros. Depois que o título vence, o dinheiro é devolvido, acrescido de remuneração.

Desse modo, os juros da aplicação rendem um dinheiro extra, que é dividido entre o investidor e a cooperativa que fez o crédito. Seguindo o espírito e os princípios das cooperativas, todos crescem juntos e colhem bons resultados.

Outra diferença importante ocorre em relação a quem pode trabalhar com a aplicação. Apenas as cooperativas de crédito oferecem o RDC.

Como funciona o investimento?

O RDC é uma espécie de empréstimo do cooperado para a cooperativa. Dessa forma, a aplicação financeira é utilizada pelas instituições para diversas operações de crédito. Em troca, o investidor recebe um montante aplicado de volta, que se soma à rentabilidade no período da operação.

O Recibo de Depósito Cooperativo é um dos investimentos preferidos pelos cooperados. É considerado por especialistas e investidores como uma aplicação de baixo risco, o que significa que as condições são conhecidas por ambas as partes, cooperados e cooperativas, no momento em que a aplicação é feita.

Nesse sentido, ele é mais indicado para investidores que preferem aplicar seus recursos com mais segurança. No entanto, como mencionamos, a aplicação se torna bem atrativa quando há um ciclo de alta na taxa Selic, como o Brasil vem apresentando.

No RDC, os investimentos são captados pelas cooperativas e destinados a atividades financeiras do ramo dos cooperados e nos locais onde eles moram, o que gera recursos para as comunidades locais e mais desenvolvimento dessas regiões.

Como investir?

Para investir em um RDC, é preciso estar associado a uma cooperativa de crédito. A adesão é bem simples, em um processo semelhante ao da abertura de uma conta bancária. É preciso apresentar alguns documentos de identificação, de residência e assinar uma proposta.

A partir daí, a documentação é avaliada pelo Conselho de Administração da instituição. Podem se associar à cooperativa todas as pessoas naturais que concordem com o Estatuto Social da Cocred.

É muito importante destacar que existem diferentes modelos de cooperativas de crédito no país. Algumas são restritas a uma atividade ou somente aos funcionários da instituição. No entanto, outras, como é o caso da Cocred, são abertas à maior parte das pessoas e das empresas.

A partir da adesão, cada investidor pode investir em RDC de maneira similar à aplicação de um banco tradicional, mas com todas as facilidades e o conhecimento de uma cooperativa, que trabalha de forma mais próxima das pessoas. A aplicação pode ser feita de forma presencial, na unidade cooperativa e por meio do Internet Banking ou do aplicativo das entidades.

O que é a variação RDC Escalonado?

Existem alguns tipos de RDC. Isso porque o rendimento da aplicação pode ser influenciado pelo prazo de vencimento.

No RDC, como a liquidez é diária, o resgate parcial ou total do valor antes do prazo final da aplicação não prejudica o rendimento. Já o RDC Escalonado é um investimento em renda fixa, de baixo risco, que conta com uma remuneração pós-fixada e sem carência, cuja rentabilidade cresce gradativamente à medida que o recurso se mantém aplicado.

O RDC Escalonado, recomendado para quem queira realizar investimentos de médio a longo prazo, conta com a rentabilidade pós-fixada e garante maior remuneração quando há um período prolongado de aplicação.

Assim, quanto mais tempo o dinheiro fica aplicado nas cooperativas, como a Cocred, mais renderá para o investidor.

Quais são as vantagens do RDC em comparação ao CDB?

Entre os benefícios que um cooperado tem ao preferir o RDC, podemos citar, primeiramente, o recebimento de Sobras no fim do exercício, na proporção das suas movimentações e aplicações financeiras. De forma simples, a pessoa ganha duas vezes: no rendimento do valor aplicado e no recebimento das Sobras ao final do ano.

O RDC também apresenta características similares a outros títulos de renda fixa, como CDB, RDB e Poupança. No entanto, ele também tem benefícios únicos para os cooperados, como veremos a seguir.

Flexibilidade

O RDC é um investimento flexível, já que conta com diferentes maneiras de remuneração e prazos de aplicação.

Nesse sentido, essa aplicação é uma opção versátil, que agrada aos investidores mais conservadores, mas também encontra espaço entre as pessoas que têm perfil arrojado e querem diversificar suas aplicações.

Liquidez

Um detalhe é que o RDC pode ser emitido com carência quando for necessário aguardar um período específico para resgatar o dinheiro investido. No entanto, algumas cooperativas também oferecem esse investimento sem esse tempo mínimo.

Nesse caso, é permitido ao investidor resgatar o recurso quando preferir, o que garante uma ótima liquidez em relação à aplicação.

Segurança

Como ocorre com outros investimentos considerados de baixo risco, resguardados pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC), o RDC também garante uma proteção ao investidor caso ocorra uma situação de falta de liquidez por parte das instituições.

Isso porque as operações de até R$ 250 mil em RDC, seja por CPF ou CNPJ, são resguardadas pelo Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop).

Distribuição de Sobras da cooperativa

Mencionamos brevemente as Sobras no início do tópico, mas vale abordar com mais detalhes esse benefício. Como as cooperativas são instituições sem fins lucrativos, os recursos excedentes das aplicações não são chamados de lucro, mas de Sobras.

Em todo ano, elas são distribuídas entre os cooperados — e o melhor, de forma totalmente proporcional às suas movimentações. Assim, ao investir em RDC, os associados também elevam a sua participação.

Nesse caso, o investidor passa a ganhar mais quando acontece a apuração dos valores. E é por isso que ele se beneficia duas vezes: recebe a rentabilidade do título de renda fixa e também um rendimento extra anual, isto é, as Sobras!

Impostos decrescentes

Em cima dos regastes das aplicações em RDC, incide o Imposto de Operações Financeiras (IOF) caso o recurso seja mantido por menos de 30 dias. Já sobre os rendimentos, é cobrado o Imposto de Renda. Contudo, essas cobranças são reduzidas em relação a outros investimentos e dependem do tempo de permanência da aplicação.

A incidência de Imposto de Renda (IR) tem como base a tabela regressiva. Para entender melhor, confira os prazos e suas respectivas alíquotas sobre o rendimento:

  • período de até 180 dias gera uma alíquota de 22,5%;
  • período de 181 a 360 dias gera uma alíquota de 20%;
  • período de 361 a 720 dias gera uma alíquota de 17,5%;
  • período acima de 720 dias gera uma alíquota de 15%.

Outra informação importante é que, quando o resgate é feito após um período superior a 30 dias da aplicação, o investimento fica isento do IOF.

Como é o RDC da Cocred?

No caso da Cocred, o Recibo de Depósito Corporativo segue a tradição dessa aplicação de gerar rentabilidade. Ele é seguro e conta com retorno garantido, com a possibilidade de fazer aplicações com taxas que podem ser pré ou pós-fixadas. Alguns dos benefícios são:

  • opções de RDC prefixado ou pós-fixado. Nos dois casos, as taxas são mais competitivas do que o CDB dos bancos convencionais;
  • alíquotas decrescentes incidindo no Imposto de Renda, de acordo com o tempo da aplicação;
  • liquidez diária;
  • resgate automático;
  • segurança pelo Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop), sendo de até R$ 250 mil por CPF;
  • possibilidade de acompanhamento da aplicação pelo Internet Banking e pelo app Sicoob.
  • recebimento de Sobras ao final do exercício;
  • promoção do desenvolvimento socioeconômico local.

Investir é para Todos

O RDC é um dos produtos participantes da campanha “Investir é para Todos”, do Sicoob. A cada R$ 2 mil investidos em RDC até o dia 30 de junho, o cooperado ganha um cupom para concorrer a 14 automóveis Polo Track e a milhões em pontos Coopera. Clique aqui para conferir os detalhes.

Como pudemos ver no artigo, o RDC é uma opção melhor que o CDB e outras aplicações de bancos tradicionais. Além de garantir um bom rendimento, as cooperativas ainda ajudam a desenvolver economicamente as áreas nas quais vivem os investidores, em um ciclo que favorece todos os envolvidos.

Gostou do conteúdo e quer conhecer mais dicas? Siga nossas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades de nossa cooperativa. Estamos no Instagram, no Facebook e no LinkedIn!

‘Consignado Folia’: campanha oferece crédito com taxas especiais

Sicoob Cocred substitui maquininhas Sipag até 31 de dezembro

Sicoob Cocred zera tarifa de emissão para boletos pagos pelo Pix

Na Green Week Cocred, RDC tem rentabilidade acima do mercado

‘Consignado Folia’: campanha oferece crédito com taxas especiais

Sicoob Cocred substitui maquininhas Sipag até 31 de dezembro

Sicoob Cocred zera tarifa de emissão para boletos pagos pelo Pix

Na Green Week Cocred, RDC tem rentabilidade acima do mercado

Assine e receba nossos conteúdos exclusivos.

Quer fazer parte de nossa cooperativa?

Então, preencha o formulário abaixo!

Cadastro enviado com sucesso! Em breve, nossa equipe entrará em contato